Feeds:
Posts
Comentários

Archive for setembro \28\UTC 2009

Divulgação (Foto inserida por link)

O Mercado Municipal Rinaldo Rivetti, mais conhecido como Mercado da Lapa, foi tombado pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico (Conpresp) no dia 16 de Setembro, poucos dias depois de completar 55 anos de existência.

Além do mercado outros 19 imóveis aqui da Lapa também se tornaram patrimônio histórico, e os locais deverão preservar todas as características externas e algumas internas. Na lista de bens históricos estão, além do Mercado da Lapa, o Sesc Pompéia, as igrejas Nossa Senhora da Lapa e a São João Maria Vianney. O Mercado é um dos pontos de referência do bairro. Cerca de 10 mil pessoas circulam por lá diariamente, aproveite para conhecer.

Rua Herbart 47 – Lapa (acesso pelas ruas Nossa Senhora da Lapa ou Guaicurus)
O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 19h e aos sábados das 8h às 18h.
fONE: (11) 3641-3846

Matéria publicada no site TV da Lapa

Read Full Post »

Escavação foi feita em área onde funcionava um estacionamento. No local, será construída a nova sede do Centro Paula Souza.

Luísa Brito Do G1, em São Paulo

A área conhecida como Cracolândia, parte degradada na região central da capital paulista, guarda importantes vestígios históricos da cidade, segundo descobriram arqueólogos que escavavam uma área onde será construída a nova sede do Centro Paula Souza, entidade responsável pelas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) de São Paulo.

A matéria é do site G1 e continua:

Read Full Post »

Pintado

Foto: Roberto Ripoli/Flickr

No dia 26 de Setembro o Centro Cultural Vila Itororó, comunidade localizada na Bela Vista, no centro de São Paulo, promove a sua primeira “Vilada Cultural” evento com diversas atrações como shows, espetáculos teatrais e projeção de filmes. A iniciativa é mais uma das ações da Associação de Amigos e Moradores da Vila Itororó (AMAVILA) – núcleo que mobiliza a comunidade contra uma ação de despejo da Prefeitura – para comemorar os 80 anos de existência da Vila. As apresentações ocorrem no dia 26, a partir das 13h00, e se encerram com uma grande festa.

Entre os grupos convidados para apresentações estão Trupe do Trapo, Parabelo, 1/2 dúzia de 3 ou 4, projeção de filmes diversos e grupo do Ponto de Cultura Bixigão, tradicional referência no bairro. Os grupos apóiam as iniciativas culturais já desenvolvidas na Vila Itororó: todo sábado, uma atração diferente acontece na comunidade. A exemplo do Teatro Oficina, desde a década de 90 muitos artistas conceituados já participaram de apresentações e intervenções a convite do Centro Cultural Vila Itororó. Todas as atrações são gratuitas e abertas ao público.

A Vila Itororó é composta por 70 famílias, e os cerca 250 moradores estão ameaçados de despejo por um projeto da Prefeitura Municipal de São Paulo, que quer transformar a Vila num centro cultural gerido pela iniciativa privada.

As ações culturais da própria comunidade vão de encontro aos argumentos da Secretaria para essa desapropriação: o projeto da prefeitura ignora a existência de cultura no local e ao mesmo tempo ameaça famílias, muitas com mais de três gerações criadas ali, que construíram suas histórias de vida dentro da Vila Itororó.

A Vilada traz ainda a reflexão de que é possível aliar moradores, arte e patrimônio, sem que nenhum dos lados saia prejudicado, e convida os cidadãos paulistanos a conhecerem os experimentos que já acontecem nesse sentido.

Esperamos a participação de todos/as na Vilada e pedimos sua colaboração na divulgação do evento.

Grande abraço,

Pauléo

SAJU-USP

Read Full Post »

A associação Preserva São Paulo convida todos os interessados para participarem do lançamento da nossa primeira publicação, o livro “Nossa cidade, nossa casa”.

Será dia 22 de setembro (terça-feira) , das 19 às 21 horas, no belo auditório do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, na Rua Benjamin Constant, 158 (metrô Sé).

Quem comparecer no lançamento vai ganhar de graça um exemplar do livro!

Numa linguagem bem didática, ele explica a importância da preservação e dá várias dicas de como conservar e restaurar seu imóvel, histórico ou não. E ainda ensina a reconhecer os principais estilos arquitetônicos da cidade, tudo isso ricamente ilustrado.

Para quem for, favor confirmar a presença através do email: imprensa@preservasp.org.br

nosso site: www.preservasp.org.br

Read Full Post »

Arquivo Histórico do Município "

Arquivo Histórico do Município - Foto: Hélio Bertolucci Jr.

Sempre acreditamos que já lemos, vimos ou descobrimos tudo sobre a cidade de São Paulo e esta sempre nos surpreende com alguns lugares históricos as vezes escondidos onde pouco circulamos porque sempre estamos acostumados a visitar os chavões turísticos – não que eles não sejam interessantes -, como: Masp, Museu do Ipiranga, Catedral da Sé, Pateo do Colégio, Bairro da Liberdade, Pinacoteca do Estado, etc.

Caso busque fazer um passeio diferente, sugiro visitar o bairro do Bom Retiro, consagrado no filme “O ano em que meus pais saíram de férias”, do diretor Cao Hamburger.

Desembarcando na estação do Metrô Tiradentes observe nas imediações a bela edificação do Convento da Luz com seu Museu de Arte Sacra, fundado em 1774. Saia em direção ao bairro do Bom Retiro, mais famoso por suas lojas de confecções e estará na Praça Coronel Fernando Costa que abriga um conjunto de construções históricas como os dois edifícios projetados por Ramos de Azevedo, o da Fatec e Escola Técnica Estadual Paula Souza e o edifício do Arquivo Histórico Municipal “Washington Luís”, que completou cem anos em 2007.

A Praça Coronel Fernando Prestes passou por uma grande reforma de restauração e urbanização – ganhando de volta seu traçado original -, dentro do programa Monumenta (Programa de Preservação do Patrimônio Cultural Urbano), concebido pelo Ministério da Cultura com o apoio da Unesco e do Bid em conjunto com os governos municipais e estaduais  É um lugar muito seguro, pois abriga também um QG da Polícia Militar.

Estando neste local chamo a atenção para o edifício do Arquivo Histórico do Município, sua beleza arquitetônica, que é a marca registrada de Ramos de Azevedo e para sua importância histórica e arquivista para a cidade de São Paulo.

O AHMWL (abreviação utilizada) ocupa o Edifício Ramos de Azevedo desde 1999, antigo gabinete de Eletrotécnica da Escola Politécnica de São Paulo. Conserva toda a vida pública paulistana, abrangendo o período de 1555 a 1921. Seu acervo atual é composto de 4,5 milhões de documentos textuais e iconográficos. Reúne ainda outros conjuntos documentais entre plantas, projetos arquitetônicos e mapas da cidade.

No subsolo – com seus tijolos aparentes e tetos em arcos, típico das construções de Ramos de Azevedo – funciona, dentro de várias salas, os setores de higienização, restauros, etc. Quando visitei este edifício uma funcionária, do setor de restauração, me mostrou alguns documentos originais, entre eles as Atas da Câmara Municipal de Santo André da Borda do Campo de 1555. Seguidamente vimos um livro do Cemitério de São Miguel Paulista da década de 20 que estava sendo preparado para ser restaurado. Nas páginas deste livro constam registros de óbitos contendo muitas informações como:  filiação, causa mortis, etc. Muitas pessoas e estudantes pesquisam esses livros, ora para fazer levantamentos familiares, ora para estudar as doenças da época.

É interessante que se agende a visita para conhecer todas as suas instalações como o pátio, o auditório, as antigas salas de aulas, finalizando no subsolo. É tudo muito bonito e de certa forma o edifício está bem cuidado e teve sua fachada recentemente restaurada.

Depois de visitar o belo edifício do Arquivo Histórico, caminhe pela região e visite também a Igreja Nossa Senhora Auxiliadora e Instituto Dom Bosco. Na Rua Três Rios chamo a atenção a bela arquitetura do antigo colégio Santa Inês, o Teatro Taib, a Oficina Cultural Oswald de Andrade e o Instituto Cultural Israelita Brasileiro.

Bateu fome?  Vá até a Rua da Graça e encontrará o badalado restaurante Acrópole com culinária grega ou ainda na Rua Silva Pinto a Casa Búlgara com seu famoso salgado “bureka”

Para quem pensa que fazer um roteiro turístico e conhecer um pouco da história da cidade distancie-se um pouco das ruas centrais e vá para o  bairro do Bom Retiro junto a região da Luz. Estas localidades trarão grandes surpresas históricas e arquitetônicas.

•Arquivo Histórico do Municipal “Washington Luiz”

Endereço: Rua Coronel Fernando Prestes, 152 – Tel: 3396-6000

Visitas monitoradas: educativoarq@prefeitura.sp.gov.br

• Restaurante Acrópole – Rua da Graça, 364

• Casa Búlgara – Rua Silva Pinto, 356

Veja matéria do Jornal da Gazeta sobre o Arquivo Histórico do Município.

Read Full Post »

A cidade vista sob diferentes olhares resgatando a história, os costumes e seus universos paralelos; esta é a proposta da exposição fotográfica Olhar São Paulo. Entre locais desconhecidos e cartões postais, a mostra pretende revelar panoramas e detalhes da maior cidade do país que passam despercebidas.

Olhar São Paulo Exposição com trabalho de repórteres fotográficos vai até dezembro. 

A Mostra organizada pela ARFOC-SP (Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos do Estado de São Paulo) com o patrocínio da Bourbon Convention Ibirapuera, entrará em cartaz em 02 de setembro, em comemoração ao dia do Repórter Fotográfico. Ao todo serão expostas 40 fotografias de 35 fotojornalistas do Estado de São Paulo. A seleção foi feita por membros da Comissão Organizadora, que recebeu cerca de 138 imagens de 51 profissionais.

Uma das fotos que integra exposição. Foto: Guilherme Lara Campos Uma das fotografias que poderá ser vista na exposição. 

Os expositores:
A exposição é composta por trabalhos de Alexandre Tokitaka, Alf Ribeiro, Apu Gomes, Claudio Capucho, Danilo Verpa, David Santos Junior, Diego Padgurschi, Edilson Dantas, Ernesto Rodrigues, Evelson de Freitas, Fernando Donasci, Filipe Araujo, Gaspar Nobrega, Gerardo Lazzari, Guilherme Lara Campos, Hélvio Romero, JF Diorio, Jose Cordeiro, Jose Luis da Conceição, Leonardo Soares, Marcos Alves, Mario Lucio Sapucahy, Marlene Bergamo, Moacyr Lopes Jr, Patricia Stavis, Paulo Whitaker, Raquel Toth, Robson Ventura, Rodrigo Paiva, Rubens Chiri, Thiago Bernardes, Tiago Queiroz, Toninho Cury, Valéria Gonçalvez e Zanone Fraissat.

Exposição: de 02/09/2009 a 10/12/2009

Exposição Olhar São Paulo
Abertura: 02 de setembro de 2009
Horário: 19:30h
Local: Bourbon Convention Ibirapuera
Endereço: Avenida Ibirapuera, 2.927 – Moema – São Paulo

Exposição: de 02/09/2009 a 10/12/2009

Read Full Post »